Póvoa prepara-se para cumprir determinações sobre época balnear

Na Póvoa de Varzim e na região envolvente tudo indica que a abertura da época balnear será só a 1 de julho e não a 6 de junho como no sul do país. A data já tinha sido anunciada na última reunião da autarquia e não deve haver antecipação, tal como o encerramento a 31 de agosto. Aires Pereira garantiu à Lusa que está preparado para cumprir e aplicar no concelho as determinações do Governo para a utilização das praias, considerando sensatas as medidas anunciadas, ao mesmo tempo que permitem ajudar o setor turístico. Apesar de admitir alguma preocupação com o controlo das áreas livres, o edil espera que as pessoas respeitem o afastamento, lembrando que o bom comportamento dos utilizadores será essencial para impedir a possível interdição dos areais. Certo será o reforço da presença da Polícia Municipal junto à praia e também o eventual controlo do acesso de visitantes à cidade, nomeadamente ao fim de semana. Também está assegurado que o trânsito automóvel será proibido na marginal e o reforço das medidas de higienização, com a colocação de dispensadores de gel desinfetante e o aumento da limpeza da via pública e das estruturas de apoio. O próximo passo é definir os planos de distribuição das concessões com os banheiros e a capitania local, assim como estudar a eventual realização de algumas atividades de animação de verão que de enquadrem nas indicações da Direção Geral de Saúde.

No âmbito do plano desconfinamento divulgado após a reunião do Conselho de Ministros, o Governo determinou as normas de utilização das praias para próxima época balnear.
Utilização do areal:
Distanciamento físico de 1,5 metros entre utentes (que não façam parte do mesmo grupo);
Afastamento de 3 metros entre chapéus de sol;
Interditas atividades desportivas com duas ou mais pessoas (exceto atividades náuticas, aulas de surf e desportos similares).
Toldos, colmos e barracas:
Em regra, cada pessoa ou grupo só pode alugar de manhã (até 13h30) ou à tarde (a partir das 14h);
Afastamento de 3 m entre toldos ou colmos
Afastamento de 1,5 m entre os limites das barracas
Máximo de 5 pessoas por toldo, colmo ou barraca.
Possível alargamento excecional da área concessionada
Estado de ocupação:
Estado de ocupação anunciado através de sinalética tipo semáforo:
Verde: ocupação baixa (1/3)
Amarelo: ocupação elevada (2/3)
Vermelho: ocupação plena (3/3)
Informação atualizada de forma contínua, em tempo real, designadamente na app ‘Info praia’ e no site da APA na internet;
Interdito o estacionamento fora dos parques e zonas de estacionamento ordenado.
Regras de circulação:
Sentido único de circulação com distanciamento físico de 1,5 metros;
Podem ser definidos corredores de circulação, paralelos e perpendiculares à linha de costa
Bares, restaurantes e esplanadas:
Higienização regular dos espaço (mínimo: 4 limpezas diárias)
Limitação da capacidade, nos termos aplicáveis à restauração
Possível reorganização das esplanadas para assegurar distanciamento de segurança
Venda ambulante:
Uso obrigatória de máscara e viseira pelo vendedor no contacto com os utentes;
A circulação de vendedores ambulantes deve fazer-se com distanciamento física e, preferencialmente, pelos corredores de circulação.
Equipamentos:
Interdito o uso de gaivotas, escorregas ou chuveiros interiores
Chuveiros exteriores, espreguiçadeiras, colchões ou cinzeiros de praia devem ser higienizados diariamente ou sempre que ocorra a mudança de utente
Deveres gerais dos utentes:
Evitar o acesso a zonas com ocupação elevada ou plena
Proceder à desinfeção regular das mãos e obrigatoriamente na chegada à praia
Assegurar o distanciamento físico de segurança na utilização da praia e no banho.
Regras gerais:
Regras aplicáveis apenas a ‘parias de banhos’
Possibilidade de interdição da praia, por motivo de proteção da saúde pública, em caso de incumprimento grave das regras pelos concessionários ou pelos utentes.

Jornalista Onda Viva

Anterior

Transporte escolar garantido pela autarquia vilacondense

Próximo

Póvoa, V.Conde e Esposende repetem tendência dos últimos dias

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *