Poveiros no Euro 2020: será que ainda é possível?

Durante o Mundial de 2014, a Póvoa de Varzim orgulhou-se em colocar 4 futebolistas na convocatória da Selecção Nacional. Entre os 23 escolhidos estavam o guarda-redes Marafona, os defesas Bruno Alves e Luís Neto e o médio André André. A poucos meses do início do Euro 2020, a cidade terá dificuldades em voltar a ter um representante numa fase final de uma grande competição de futebol internacional. Com Marafona e André André numa fase descendente da carreira e com um Luís Neto com pouco espaço no Sporting, o poveiro com mais chances de disputar o Europeu é mesmo o quase-quarentão Bruno Alves, que continua a brilhar ao mais alto nível ao serviço do Parma de Itália (até já renovou contrato para a próxima época).

Faltam menos de 5 meses para o começo do Europeu

O Euro 2020 começa às 20 horas do dia 12 de Junho, com um confronto entre as selecções da Turquia e da Itália. Portugal ainda não conhece 1 um dos seus 3 adversários, mas para já encontra-se no medonho grupo F, na companhia dos gigantes da França e da Alemanha. Na antevisão da competição já é possível Apostar no goleador da Euro 2020, e, como não podia deixar de ser, há um português entre os favoritos. Cristiano Ronaldo não só é um dos jogadores com mais faro de golo no contexto do futebol mundial como é a grande estrela da selecção portuguesa, que detém o título desde 2016. Mas existem outros nomes na calha.
A poderosa vice-finalista da edição de 2016 e campeã do mundo França contará com um Kylian Mbappé em grande forma, a Polónia tem um ataque de luxo liderado por Robert Lewandowski e a Noruega, caso consiga passar no Play-off de apuramento, poderá contar com o jovem ponta-de-lança Haland, que está a surpreender tudo e todos desde que chegou a Dortmund no início do ano.

Varzim, um clube de formação

Muito antes da formação ter sido colocada em primeiro plano no esquema dos maiores clubes de futebol portugueses, o Varzim dedicava-se a formar grandes talentos e a estabelecer uma academia extremamente competitiva. Os últimos anos revelaram-se menos férteis para os Lobos do Mar, como prova a provável ausência de poveiros no Euro 2020, mas o Varzim continua a apresentar grande sucesso ao nível dos escalões de formação.
Para além de Bruno Alves, o ex-avançado da Selecção nacional Hélder Postiga será o exemplo mais célebre de um craque made in Varzim. Mas o número de futebolistas profissionais em exercício com ligações passadas ao clube da Póvoa é indício do sucesso da academia alvi-negra. Passaram pela formação do Varzim jogadores como o guarda-redes ex-Porto Ricardo Nunes, o lateral trabalhador Pedrinho, o explosivo Yazalde (agora na Roménia), e ainda os avançados Salvador Agra (ex-Benfica e Braga) e Rafael Lopes, ambos com muita experiência na Liga NOS e a actuar actualmente na primeira liga da Polónia.
Em 2013, o site de notícias de futebol ZeroZero compilou uma lista de craques que passaram pela Póvoa de Varzim e explanou com maior detalhe a história da formação do clube.

Webmaster

Anterior

Deputada poveira na defesa dos direitos dos pescadores

Próximo

Para gaming ou para trabalhar, existe uma cadeira certa para si