Levi Lumeka brilha a serviço do Varzim

Chegou à Póvoa no início da atual temporada como um ilustre desconhecido, engrossando as fileiras às ordens do treinador Paulo Alves no plantel principal do Varzim Sport Club. Aos 21 anos, Levi Lumeka está a ser um dos principais destaques da equipa Poveira na presente temporada. 

Nascido em Beckton, no sul de Londres, e filho de pais originários da República Democrática do Congo, o jogador Levi Lumeka deu os primeiros pontapés “a sério” numa bola de futebol nos escalões de formação do Crystal Palace, emblema que atualmente atua na Premier League. O extremo foi crescendo nos “Eagles” e chegou mesmo a estrear-se enquanto profissional ao serviço do emblema de Selhurst Park.

A 10 de setembro de 2017, dois anos depois de ter assinado o seu primeiro contrato profissional com o clube, Lumeka estreou-se oficialmente na Premier League na visita ao Turf Moor para medir forças com o Burnley, substituindo Lee Chung-yong. A temporada 2017/2018 seria memorável para Levi Lumeka a nível individual, uma vez que seria considerado o melhor marcador da equipa de sub-23 do Crystal Palace, com 13 tentos apontados em 25 jogos.

Sem espaço na equipa principal do emblema londrino, Lumeka decidiu rumar a outras paragens e a mudança para o Leyton Orient, da Nation League, foi consumada no último dia do mercado de verão de 2018. O Leyton conseguiu mesmo subir de divisão, mas a experiência de Lumeka não correu bem e, em junho de 2019, a solução passou por deixar o país pela primeira vez para se aventurar no Varzim e no segundo escalão do futebol português, assinando com a equipa um contrato válido por dois anos

Passo a passo

Levi Lumeka não se impôs assim que chegou à Póvoa, dado que nos primeiros quatro jogos que disputou não assumiu a titularidade. Lumeka constou no onze inicial pela primeira vez à quinta jornada da Ledman Liga Pro, com vitória por duas bolas a uma diante do Cova da Piedade. Apesar de ter abandonado o encontro a 20 minutos do fim, Paulo Alves acabou por gostar do que viu e, a partir daí, Levi passou a integrar o onze inicial com regularidade na Ledman Liga Pro, competição com mercados disponíveis nos principais sites de apostas desportivas. Os “Lobos do Mar” querem lutar pelos lugares cimeiros da tabela classificativa, e Lumeka pode ser um elemento importante nesse sentido. 

O primeiro golo surgiria à jornada 8, frente ao Nacional da Madeira, candidato à subida de divisão com quem o Varzim dividiu pontos. Lumeka marcaria posteriormente na vitória diante do Feirense e ainda faria o golo que permitiu ultrapassar o Loures e seguir em frente na Taça de Portugal. Na altura em que escrevemos estas linhas, o jogador atravessava uma fase de sonho, com o Varzim vencendo os últimos três encontros que disputou pelo mesmo placard (1-0) ante Loures, Penafiel e Covilhã. O inglês marcou todos os golos em causa, afirmando-se como um dos destaques da atual edição do segundo escalão nacional. 

Os poveiros permanecerão no apoio ao Varzim, como de costume, e certamente esperam que Lumeka continue a brilhar com a camisola rubro-negra pelo menos até o fim da época. 

Jornalista Onda Viva

Anterior

Culpar os agricultores virou moda (artigo original Agricultura e Mar Actual)

Próximo

Varzim assinalou 104 anos com planos ambiciosos

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *