Incidência de casos continua a piorar na região

Os valores da incidência cumulativa a 14 dias da doença Covid-19 continuam a piorar na região. Os dados da Direção Geral da Saúde referem-se aos casos confirmados entre 13 e 26 de novembro e são novamente bastante negativos para Póvoa de Varzim e Vila do Conde que permanecem no nível mais grave de risco de contágio (extremamente elevado, igual ou superior a 960 casos por 100 mil habitantes) tendo em conta a quantidade de infetados em relação ao número de residentes.

O concelho poveiro tinha 1962 casos por cada 100 mil pessoas, ou seja, terão sido cerca de 1236 infetados nessas duas semanas uma vez que que a população oficial é de cerca de 63 mil habitantes. Na referência anterior havia 1626 casos por 100 mil pessoas. O município vilacondense contava 1807 casos por 100 mil pessoas, isto é, perto de 1445 infetados uma vez que a população residente estimada ronda os 80 mil habitantes. A anterior indicação era de 1605 casos por 100 mil pessoas. Nas localidades vizinhas os números são igualmente elevados em Esposende (incidência passou de 813 para 995), Barcelos (subiu de 1333 para 1612) e Famalicão (aumentou de 1857 para 2107). 

Jornalista Onda Viva

Anterior

Ladrões voltam a atacar sapataria em Balasar

Próximo

Mais um desaire para o ‘lanterna vernelha’

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *