GNR apreende mais de 5 milhões de cigarros de contrabando

A Unidade de Ação Fiscal da GNR, através do Destacamento do Porto, apreendeu na sexta-feira, cerca de 5,2 milhões de cigarros de contrabando em Vila do Conde. No âmbito da atividade de prevenção e combate à evasão e fraude fiscal, os militares detetaram 260.000 maços de cigarros, acondicionados em 520 caixas que não ostentavam a estampilha especial exigida para a comercialização em território nacional, nem se faziam acompanhar de qualquer documentação comercial e aduaneira, comprovativa do pagamento do Imposto Especial Sobre o Consumo do Tabaco e do IVA. Esta apreensão ocorreu no decurso de uma ação de fiscalização a um veículo pesado de mercadorias, realizada na estação de serviço de Modivas na autoestrada do Norte Litoral (A28). O valor comercial do tabaco apreendido é de cerca de 1 milhão e 170 mil euros, sendo que se tivesse sido vendido ao público teria lesado o Estado em mais de 900 mil euros euros, resultante da evasão à tributação. A GNR identificou um homem de 50 anos e elaborou um auto de notícia pela prática do crime tributário de contrabando. A ação contou ainda com o reforço da Unidade Nacional de Trânsito e de uma equipa cinotécnica do Comando Territorial do Porto.

Jornalista Onda Viva

Anterior

Poveiro campeão nacional também subiu ao pódio em França

Próximo

Chuva, vento e jacintos-de-água culpados pela contaminação Categoria: Notícias Regionais

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *