Apanhadas três pessoas que não respeitaram confinamento

A GNR de Vila do Conde identificou um homem e duas mulheres, com idades entre os 36 e os 42 anos, por não respeitarem a medida de confinamento obrigatório que lhes foi decretada. Face ao aumento significativo de novos casos de cidadãos que testaram positivo nos últimos dias no concelho vilacondense, os militares realizaram uma ação de fiscalização de forma a assegurar o cumprimento do previsto no regime da situação de contingência e alerta. A GNR recorda que entre as medidas mantém-se a obrigação de confinamento obrigatório em estabelecimento de saúde, no respetivo domicílio ou noutro local definido pelas autoridades de saúde para todos os doentes com Covid-19, ou infetados com SARS-CoV-2, e para os cidadãos relativamente a quem a autoridade de saúde ou outros profissionais de saúde tenham determinado vigilância ativa. Até ao momento foram controladas 115 pessoas sujeitas a tal obrigação, tendo sido detetados três crimes de desobediência por incumprimento do previsto, em que os cidadãos optaram por se ausentar do domicílio. Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Vila do Conde.

Jornalista Onda Viva

Anterior

PSP apreende faca ilegal a jovem

Próximo

Motociclista ferido após colisão com automóvel

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *